GIRLSPT.COM - Cursores Animados
A Magia do Espelho: Setembro 2009

A Magia do Espelho

Espaço para devaneios, reflexões, desabafos, dicas culturais e otras cositas más

Up!

Foi com grande expectativa que fui assistir ao filme “Up”. Entrei ansiosa na sala do cinema, o filme estava prestes a começar. Coloquei os óculos do 3D no rosto e demorei alguns segundos para adaptar a visão. Após assistir a um curta lindíssimo sobre como nascem os bebês (sim, eles são feitos de nuvem, como eu desconfiava), o filme começou e eu não pude conter a minha alegria.
Os primeiros minutos são assistidos com um sorriso alegre no rosto, de quem acha tudo engraçado. Aos poucos, o sorriso muda, para o sorriso de quem acha uma história romântica e linda. Mais alguns minutos e as lágrimas já estão rolando pelo meu rosto. Apesar de detestar chorar no cinema (não gosto de chorar na frente dos outros e ainda por cima borrar a maquiagem), não consegui conter as lágrimas, limpando-as discretamente sob os óculos.
Com uma trilha sonora supergostosa ao fundo, o filme vai se desenrolando muito à vontade, nos conduzindo a um mundo cheio de sentimentos, onde as pequenas coisas têm grande valor. Um sonho de criança que dá sentido a toda uma vida. Um amor verdadeiro que sobrevive a todos os obstáculos. Uma amizade sincera e cheia de afeto que surge onde o campo parecia não ser fértil O cinema 3D faz a gente mergulhar mais ainda na história. Perceber a textura das coisas de tal modo que é quase possível sentir o cheiro também.
Muitas risadas e lágrimas depois, o filme chegou ao fim, tão bom quanto no começo. Up é realmente um filme lindíssimo, um filme que mexe com os nossos sentimentos, que nos desperta inúmeras emoções e que nos faz sair da sala de cinema com um sorriso do tamanho do mundo estampado no rosto. Vale muito a pensa ver Up. Quem puder, não perca mais tempo!

Vício

Todo dia é isso. Aqui estou eu novamente, fazendo um esforço enoooooorme para me arrumar e ir trabalhar. Sempre é assim, tenho que brigar comigo mesma para sair da Internet e encarar a vida real. Sei que não sou a única pessoa a sofrer desse mal. Há muita gente por aí viciada em Internet. Mas todo vicício é chato, né? Preciso de umas reuniões com os Internotólatras Anônimos. Comofas?

Será o fim?

Depois do Twitter, acho que muita gente abandonou os blogs. Eu mesma, que já andava mais do que sumida aqui do meu, já me peguei escrevendo besteiras no Twitter e deixando meu bloguezinho às moscas, mas não sem uma pontinha de culpa.

Apesar de n ser dos mais movimentados, tenho um sentimento grande por este espaço. Me sinto à vontade aqui, é um lugarzinho meu, e isso é bom :-).Como diz uma amiga, escrever faz bem, mesmo que ninguém leia. Assim, o Twitter não condenará meu blog à morte, mesmo que ele fique um bom tempo sem nada de novo. Não tenho planos para acabar com este espaço, então, quem quiser, fique à vontade para me visitar sempre. São todos bem-vindos!

Gripe

Se depender da higiene das minhas mãos, não pegarei gripe nunca mais. Estou viciada em álcool gel.O meu amigo Max disse que, enquanto eu n estiver bebendo o álcool gel, está tudo bem.
Há quem defenda que ingerir bebidas alcoólicas é o modo mais eficiente de evitar gripe suína. Vc vai bebendo e desinfetando tudo por dentro. Não deixa de ser uma teoria interessante... rsrs.

Manias...

Reclamam comigo se tomo sorvete e deixo a casquinha. Se cheiro sapato e bolsa antes de comprá-los, se levo minhas coisas em um saco na falta de uma bolsa ou pasta para colocá-las, se fico horas e horas olhando as pontas duplas do meu cabelo e se masco chiclete de “drogas” o dia inteiro (na verdade, o chiclete não é de drogas mesmo, é só uma piada interna para um novo sabor de chiclete :-D). Mas o que eu posso fazer? Essas são minhas manias e me acompanham há algum tempo. Para mim é difícil me desfazer delas, já criamos um vínculo sentimental muito forte J


É verdade que nem todas as manias são saudáveis, como ficar até altas horas da manhã tentando achar só mais uma ponta dupla para finalmente ir dormir e acordar no dia seguinte com cara de zumbi para ir trabalhar. Eu sei, eu tento mudar, mas é difícil. O que eu posso fazer?


Já faz parte de mim cheirar bolsa e sapato antes de comprá-los. Eu até que tento, mas não consigo não cheirá-los. Adoro cheiro de couro, de plástico (hummm) e fico encucadíssima quando as coisas têm um cheiro estranho. Se elas têm um cheiro esquisito eu não compro mesmo, perde todo o encanto :P


Sei que é estranho você andar por aí carregando as coisas em um saco, mas, quando estou sem bolsa ou pasta, eu prefiro isso do que carregar na mão, pois sei o quanto sou relaxada e o quanto esqueço as coisas por aí (meus guarda-chuvas que o digam, a esta altura já estão todos no beleléu). Não é chique, elegante ou bonito, mas eu prefiro isso. Podem até me chamar de a “doida do saco”, mas eu faço a linha Luka: Tô nem aí. Tem certas coisas que é melhor a gente nem se estressar, o importante é fazer o que a gente gosta, mesmo que seja estranho para os outros. E daí se me acharem brega? Que achem! Eu prefiro me sentir bem do que depositar minha felicidade na opinião alheia.


Também não sou a maior fã de casquinhas de sorvete. Às vezes peço no copinho mesmo, mas sempre esperando alguém me dizer: “mas como, se a casquinha é a melhor parte do sorvete?”. É, são as podas que a sociedade impõe às pessoas. Bléh! Quem disse isso? Dá vontade de dizer: Oi, eu tenho gosto próprio?! Mas vamos em frente! (Tá, eu sei que isso nem é bem uma mania, mas eu encaro assim, kkkkk).

Tenho medo de ter algum problema no maxilar, no alinhamento dos dentes ou qualquer outra coisa do tipo (risos), mas não consigo ficar sem mascar chicletes. Parece que falta um pedaço de mim quando estou sem um (risos). E agora lançaram um novo sabor muito gostoso, o Trident Herbal, que é completamente viciante, daí ser chamado por mim e alguns amigos de “chiclete de drogas”.


As manias, apesar de nem todas serem saudáveis, fazem parte da personalidade humana, nos ajudam a nos conhecer melhor, a conhecer melhor as pessoas com as quais convivemos e até a amadurecer. Para mim, o importante é saber conviver com elas e não deixar que elas dominem completamente você. Todo mundo tem pelo menos uma mania: a de comer primeiro o recheio do biscoito recheado. Mas outras manias acompanham a do biscoito e quem não tiver manias que atire a primeira pedra.

Vale a pena ler de novo

  • A lição final
  • A sangue frio
  • Crônicas de Nárnia
  • George e o segredo do Universo
  • O caçador de pipas
  • O Pequeno Príncipe

Ache aqui:

Seguidores